A cores para cada cômodo

As cores ideais para sala de jantar e cozinha, são as que estimulam a fome. As cores “quentes”: amarelo, laranja, e vermelho. Tente não usar cores “frias”: azul, lilás, roxo e tons de cinza, estas inibem a fome.
O quarto é nosso espaço de descanso, relaxamento, por isso, opte pelas cores “frias” como tons de azul e lilás que acalmam e nos ajudam a relaxar. O verde é uma cor estável, de equilíbrio, não estimula nem acalma, portanto, pode ser também utilizada. As cores “quentes” como tons de amarelo, laranja e vermelho devem ser utilizados com cautela, em pequenos detalhes de decoração para não causar agitação.
Quartos para bebês pedem cores de tons pastel: bege, creme, rosa, verde, amarelo e azul claros. Evite cores fortes, pois podem deixar o bebê agitado. Nos quartos de crianças as cores fortes podem ser usadas nos detalhes, desenhos variados em meia-parede ou nos armários. Misture cores claras e tons pastel com essas cores mais fortes. O teto pintado de azul-claro ajuda a criança a ter um sono tranquilo.
No banheiro, onde o item limpeza é de extrema importância, o ideal é colocar cores claras para que a sujeira fique visível e o banheiro sempre limpo. Branco, bege, creme, cinza, verde e azul claros são boas opções para iluminar o banheiro e deixá-lo aparentemente maior. Atenção para as cores escuras: o preto e o azul-escuro, por exemplo, se aplicados nas paredes e piso do banheiro, além de ocultarem a sujeira e reduzirem a luminosidade, diminuem o espaço do banheiro, que geralmente já é pequeno. Procure usar cores escuras em pequenos detalhes.
Um escritório, seja dentro de casa ou fora, tem de apresentar um tratamento visual atraente, estimulante e deve ter sua própria identidade. No geral, é recomendado o contraste entre as cores das paredes e dos móveis. Os cômodos usados como local de estudo ou trabalho precisam ser bem iluminados, evite cores escuras ou berrantes.
A sala de estar precisa ser um lugar aconchegante, o espaço ideal para reunir toda a família e receber as visitas. Prefira as cores mais vibrantes e alegres. Evite usar cores fortes juntas. Se pintar uma parede usando uma cor forte, compense as outras com uma cor mais clara.

A pintura da cozinha precisa passar a ideia de limpeza, mas não precisa ser sem graça. Detalhes em cores fortes como vermelho, laranja e amarelo tem efeito estimulante, elas aguçam a fome. A cozinha fica ainda mais viva se receber bastante luz natural.
Outras dicas importantes:

Continuidade

Para dar a impressão de uma área maior, escolha os mesmos piso e cor de parede para toda a decoração. As mudanças bruscas fazem a casa parecer dividida e, por consequência, menor. O ideal para residências muito pequenas é escolher também móveis do mesmo material.

Espelhos

Eles refletem a luz e o próprio ambiente e dão uma sensação imediata de amplitude. Escolha espelhos grandes e coloque em mais de uma parede do mesmo ambiente, para o efeito de infinito.

Siga as linhas

Assim como na moda, as listras dão a impressão de um ambiente mais comprido.

Móveis baixos

Esqueça armários grandes e pesados. O ambiente fica maior com a limpeza visual.

Janelas abertas

A claridade tem o poder de ampliar o espaço. Mas se sua casa não tem esta opção e sofre com a falta de luz natural, procure investir em um bom projeto de iluminação. O profissional vai posicionar as lâmpadas para que os espaços pareçam maiores.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Medidas para armário da cozinha

Ideias para meu apto - Mesa branca cadeiras coloridas